Ontem as 22:00 horas lancei uma campanha pela internet: “Não deixe o campeão morrer, não deixe o campeão acabar!!!”. Ao mesmo tempo em que conversava com Luciano Coutinho ao telefone, pedindo que o BNDES não abandone Eike Batista, pedia a meus alunos na internet para divulgar a campanha.

Pois ontem mesmo, os jornais noticiaram apenas hoje, o resultado apareceu: “Governo manda Caixa renegociar dívida da OSX“. Não podemos dar as costas para nosso campeão. Não podemos abandonar o navio apenas porque ele está afundando, NÃO SOMOS RATOS!!!

Precisamos de um grande plano nacional de reestruturação do grupo EBX, o primeiro passo é simples, o BNDES junto com o Tesouro devem injetar algo em torno de 42 bilhões de reais nessas empresas, com juros de mercado (algo em torno de 1,1% ao ano, com prazo de carência de 20 anos). Depois disso, para assegurar o domínio da cadeia vertical, a Petrobras deve encomendar mais 7 ou 8 superpetroleiros mais 4 plataformas petrolíferas da OSX. Pagando adiantado, para capitalizar a empresa, e dando prazo de 25 anos para receber a encomenda.

Estudos do IPEA comprovam que a cada R$ 1 investido nas empresas de Eike o PIB cresce R$ 2,11 (ou seja, é um multiplicador superior ao do Bolsa Família, também calculado pelo IPEA). Pronto, problema resolvido!!! Mais uma vez minha genialidade salva o Brasil de cometer uma loucura!!! Não podemos deixar nosso campeão ir à falência!

Advertisements